[VÍDEO] Cadeirante acusado de abusar crianças e é morto com um tiro no rosto – IMAGENS FORTES

0
57
Eduardo Santos Silva, 42 anos,  foi encontrado morto no interior da residência a qual ele morava, no Loteamento Vida Nova, região que pertence ao Cia I, em Simões Filho.  A vítima apresentava ferimento no rosto, causado por disparo de arma de fogo, que atingiu o lado esquerdo vindo a transfixar na nuca.

Eduardo teria perdido o aparelho celular em uma rua do bairro. A pessoa que encontrou conseguiu visualizar diversas fotografias e vídeos, onde ele violentava garotas da região, todas menores de 12 anos. O caso, rapidamente, ganhou repercussão na comunidade.

Segundo relatos enviados, um grupo formado por cerca de três homens teria se dirigido até à residência do acusado para questioná-lo sobre o caso. Algumas perguntas foram feitas à cerca dos vídeos e fotos encontradas no celular. Eduardo Campos teria afirmado que errou, sugerindo a participação no crime de pedofilia, quando um dos homens  apontou um revolver e efetuou um disparo no rosto do cadeirante, que morreu na hora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here